Quarta-feira, 22 de Outubro de 2008

EVENTOS...

 

Por: Alfredo Nobre

 

 

 

 

Actualmente proliferam os eventos motociclistas um pouco por todo o país. Já raro é o fim-de-semana em que não damos conta de pelo menos dois a três deles, e reparem que estamos já em finais de Outubro. Esta abundância leva-me a pensar em qual será a verdadeira razão para um moto clube ou grupo motard realizar um evento.
Simples lucro? Motivos político-ideológicos? Demonstração de poder e capacidade? Ou simplesmente Amor pelo Motociclismo?
Claro que em muitos dos casos é inegável a ligação e porque não dizer a dependência que muitos clubes mantêm com as respectivas autarquias. De certo modo e se quisermos “futebolizar” o Motociclismo, esta promiscuidade pode trazer os seus benefícios, o problema é que raramente isso acontece, parece-nos…
Actualmente derivado das crescentes dificuldades financeiras que a todos atinge, a grande “moda” é por um porco a rodar sobre as brasas ou cozer uma panela de feijão e pimba! Está feita uma concentração a partir de coisa alguma. A antiga preocupação em receber os companheiros, envolvê-los e dar a conhecer aquilo que a localidade anfitriã tem de melhor desvaneceu-se por completo. A preocupação em criar as melhores condições para instalar os motociclistas passou para segundo plano. Aconselham-se pensões e residenciais de forma mais ou menos explicita e quando ainda existe espaço para colocar uma tenda, nem é bom falar das condições do terreno disponibilizado, em muitos casos sanitários são uma miragem…
Então se a finalidade de um evento começa a deixar de ser a de reunir amigos e de bem os receber, qual passou então a ser o motivo porque se fazem tantos encontros? Muitos deixaram de acreditar nas Mega-Concentrações, repletas de bons programas e condições de nível superior porque, dizem, se perdeu o espírito de camaradagem entre os motociclistas.
Noutros casos de menor dimensão, somos levados a voltar no ano seguinte, a maior parte dos companheiros a quem perguntei o porquê responderam eu era pela recepção que tinham tido no ano anterior, sobre as refeições? raros eram aqueles que se lembravam do cardápio.
Os Aniversários de moto clubes começam a ser eventos com grande grau de sucesso. Mais pequenos e íntimos permitem um acolhimento mais afectuoso por parte dos organizadores. Em muitos dos casos a colaboração de clubes próximos ou mesmo da mesma localidade permitem um melhor desenrolar do evento, e penso que este tipo de parecerias pode perfeitamente vir a evoluir para a realização de Concentrações de maior dimensão.
Que sentido faz ir três vezes durante o mesmo ano à mesma localidade apenas porque ai existem três moto clubes? Creio que nestes casos a maior parte dos motociclistas decide não ir a nenhum para não desagradar a ninguém. A desculpa é fácil, casa-se estrategicamente um primo afastado e com muita pena torna-se completamente impossível estar presente. O problema é que não há primos que cheguem para meia dúzia de anos de eventos e baptizados não dão boas desculpas…
Para a realização de qualquer evento, não nos podemos esquecer que é fundamental a existência de verbas, fundos, graveto, money, Dinheiro!!! Ora muitos grupos não possuem o dinheiro necessário para rechear um programa da forma com que possam agradar aos companheiros que se recebem. Nestes casos muitas das vezes impera o calor com que se recebe e esse apenas se obtém através da paixão que se tem ou não pelo motociclismo, não há forma de se adquirir em loja alguma.
Os grupos que mais rolam têm garantida a presença de mais companheiros, a questão aqui é saber se isso realmente basta ou não é motivo para que arrefeça a dedicação com que se recebem os amigos.
A realização de um evento não pode ter como único objectivo a divulgação de um ou até outro moto clube. A mera obtenção de lucro pode ser o principio do fim e são já significativos os exemplos disso, para que se continue a insistir na mesma tecla. Por uma ou duas vezes pode até o esquema pegar, mas a partir dai é quase garantido o Hara kiri, se existia algum intento em prestigiar também o ou os grupos envolvidos esqueçam porque no final tudo ruiu. A questão da forma como a organização do evento age e inter-age com os visitantes também é fundamental, chegando a verificar que em muitos eventos nem sequer alguns membros do clube organizador estão à vontade no evento, já para não falar no cúmulo de se ter dado já o caso de durante um evento metade dos membros do moto clube organizador não poderem estar presentes porque estavam a participar na cerimónia de casamento de um membro do mesmo clube…
Em muitos casos a recepção também varia em função da porta de entrada, isto é dá-se toda a atenção a um ou dois grupos porque marcaram presença em massa, ignorando-se outros que apesar de mais pequenos rodam mais, levando a sua opinião a mais lugares, condicionando assim inevitavelmente a promoção do evento onde estiveram antes.
A questão da moralização, pedagogia, estabelecimento ou direi antes manutenção de regras de boa conduta cívica, parecem-me fundamentais. Um simples mau comportamento de apenas um elemento já afastou dezenas de motociclistas deste ou daquele evento. Isto sem prejuízo da “balda” ser contagiante e poder inclusive afectar qualquer um de nós.
Seria muito mais produtivo para todos os organizadores, penso, apostarem na real recepção dos companheiros com qualidade e sem descriminação. Esta será a melhor aposta em termos de divulgação. A outra hipótese, infelizmente já adoptada por muitos, é virar o evento para a população em geral, fornecendo actividades e espectáculos para o povo, transformando uma concentração em mais um arraial lá da terra, o resultado final será exactamente aquilo que se semeou… um arraial sem motos nem motociclistas. Se os bons motociclistas, aqueles que mantêm o mundo dos eventos em forma e que percorrem o país várias vezes ao ano forem bem recebidos, certamente regressam no ano seguinte e trazem até mais amigos consigo. Em suma, pencas empinadas e atitudes de arrogância ou superioridade não levam a nada e além de destruírem ambientes, mais tarde ou mais cedo darão cabo dos seus mentores. Mais do que nunca é necessário bom senso e objectividade por parte de cada um na escolha dos sítios onde se vai ou deixa de ir. Quanto a mim, irei sempre a certos lugares, a outros talvez, a outros, ainda,… nunca mais!!!

 

Uma boa quarta feira para todos
 
Alfredo Nobre, membro DOG 003

 

tags:

publicado por Cavalo Alado às 00:48
link do post | comentar | favorito
|


Abril 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30


CALENDARIO DE EVENTOS

BLACK SABBATH 1ª Parte

BLACK SABBATH 2ª Parte

CALENDÁRIO DE EVENTOS

FREEBIRD

CALENDÁRIO DE EVENTOS

MISSA

CALENDÁRIO DE EVENTOS

ESTAMOS DE LUTO

CONCENTRAÇÃO FARO 2011

ambiente(4)

as dez melhores motos de sempre(10)

biker lady accessories(1)

breve história dos motociclos(6)

calendário(103)

campeões de motociclismo(2)

cavalo alado saloon(4)

cavalo de ferro (opinião)(10)

choque(1)

choque!(6)

comemorações(23)

concentrações(11)

dakar teck(17)

destinos(2)

ética(10)

galeria de arte(11)

gastronomia e culinária(11)

histórias de motociclistas(17)

humor(23)

jogos(2)

legislação(5)

lendas do motociclismo(7)

lêr(10)

lisboa-dakar 2008(2)

loja das motos do cavalo alado(3)

luis torres 006(11)

marcas(35)

mecânica(5)

modalidades(1)

modelos(18)

moto gp 2007(30)

moto gp 2008-equipas e pilotos(8)

moto gp 2008-provas(16)

o grupo dog(2)

opinião(42)

os anjos(2)

os nossos panos(12)

ouvir(29)

poesia(22)

r.i.p.(2)

recados(132)

sabia que...(9)

segurânça(16)

spain tour(4)

tipos de motos(6)

vêr(22)

todas as tags

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Abril 2011

Novembro 2010

Outubro 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Weather Forecast | Weather Maps