Quinta-feira, 26 de Fevereiro de 2009

DOUGLAS

 

 

 

 

Uma das primeiras fábricas do mundo a produzir motocicletas (e não bicicletas motorizadas) a fábrica inglesa Douglas começou sua produção em 1909, levando o exercito Inglês a adotar largamente esta marca. As Douglas foram na sua maioria equipadas com motores boxer e sempre apresentaram soluções avançadas de mecânica para a época. Em 1930 a marca Douglas tinha modelos com válvulas no cabeçote (ohc) e em 1945 a Douglas surpreendeu o mundo com um novo modelo de suspensão traseira de quadro elástico utilizando barras de torção. O slogan da fábrica era "As motos de 2 cilindros são as melhores e a Douglas é a melhor moto de 2 cilindros". A última moto produzida pela fábrica foi a "Dragonfly" em 1957. Hoje em dia são raras as motocicletas Douglas restauradas.

 

 

Os irmãos William e Edward Douglas fundaram a Douglas Egineering Company em Bristol em 1882. A pequena serralharia de que eram proprietários transformou-se numa fundição, a qual obteve os direitos de fabricação do motor de dois cilindros opostos desenhado por W. J. Barter, fundador da Light Motors Ltd.
Barter já tinha produzido o seu primeiro motor monocilindrico entre os anos de 1902 e 1904, e de seguida aventurou-se na construção de um motor com dois cilindros opostos baptizado de Fair. Contudo a sua aposta viria a ter como consequência a falência da Light Motors Ltd em 1907. A partir de 1907 iniciou-se logo a comercialização da Douglas 350cc equipada com este tipo de motor.

 

Fairy c1907

Douglas Fairy 1907

 

 

Douglas 340cc 1909

 

Douglas 1910

 

Model D c1910

Douglas modelo D 1910

 

Douglas 1911

 

 

Douglas 1913

 

 1914 Douglas motorcycle model O

Douglas modelo O de 1914

 

3.5 hp c1914

Douglas 3,5 cavalos 1914

 

Douglas 1914

 

Douglas 1914 modelo W

 

Douglas modelo V 1914

 

Douglas modelo U 1914

 

Em 1915 o motor surgia aplicado nos modelos Douglas de forma longitudinal e com a transmissão final a cargo de uma correia e cuja ignição era já eléctrica.
Durante a Primeira Guerra Mundial a Douglas foi o maior fornecedor do Exército Britânico, com um número de unidades fornecidas que superavam as 70 000.
Nos anos 20, a Douglas inventa e constrói os primeiros travões de disco e obtém a preferência oficial para fornecer motos aos príncipes Britânicos Alberto e Henry.

 

Douglas 600cc 1918

 

 

 

Douglas Motorcycles Kingswood Bristol

Fábrica da Douglas em Bristol

 

Douglas Factory

 

 

 

Fábrica Douglas

Speedway model

Douglas Speedway

 

Anuncio Douglas de 1919

 

 

 

1922 Douglas motorcycle
Douglas 1922 

 

A Douglas também se popularizou em corridas de terra e em 1923 o modelo RA equipado com travões de disco destacou-se nesta modalidade. Este sucesso vocacionou a Douglas para a construção de motociclos destinados à terra. As motos depressa cresceram em tamanho e potência, vindo a ser equipadas com motores de 500 e 600cc e cujos modelos tomavam a denominação de DT5 e DT6.
Os motores possuíam cabeças hemisféricas e uma pequena caixa de velocidades forjada e muito rígida.
A Douglas obteve bastante sucesso em corridas de trial e não só. Doze motos desta marca competiam em provas do TT Júnior e Sénior e outras três no campeonato de side-cars, durante o ano de 1923. Este ataque massivo às competições fez com que a Douglas acabasse por vencer o TT da Ilha de Man. Tom Sheard venceu o TT Sénior 500cc e a Douglas venceu ainda a primeira prova da Ilha de Man destinada a side-cars, sob os comandos de Freddie Dixon.
 
 
               A Moto de Tom Sheard            Freddie Dixon e Walter Danny em 1923
 
Nesse ano a volta mais rápida seria registada por Jim Whalley que levou a sua Douglas à velocidade de 95 Km/h. No TT Júnior a Douglas classifica-se em 3ª posição no mesmo ano. No final de 1923 Jim Whalley vence o Grande Prémio de França, prova com 463 Km de distância, uma outra Douglas viria a vencer a maratona Durban-Joanesburgo, percorrendo os 690 Km da prova a uma média de 69 Km/h, um feito notável obtido por Percy Flook e pela sua Douglas de 2,75 cavalos de potência. Este também foi o ano do triunfo de Jim Whalley na corrida espanhola das 12 horas enquanto que Alec Bennett conquista o primeiro lugar no TT de Welsh.
Durante três anos a Douglas dominou as corridas em terra batida.

 

Douglas 1923

 

Model OB c1924

Douglas Modelo OB 1924

 

Douglas RA25 500/600cc 1925

 

O modelo de corrida AR (ou SW) da Douglas ilustra de maneira definitiva seu centro de graviadade ultrabaixo nesta foto de corridas veteranas.

 

A famosa máquina de corrida Douglas Freddie Dixon e seu sidecar, hoje no National Motor Museum da Inglaterra. O passageiro simplesmente empurrava uma alavanca fora do sidecar, fazendo com que ele e a máquina se dobrassem ao meio nas rampas ou nas curvas.

 

Model CW c1925

Douglas Modelo CW 1925

 

Side Cars Douglas em 1928

 

Douglas E32 1928 

 

Em 1929, o ano de maior sucesso em provas desportivas a Douglas comercializou 1200 motocicletas.

 

Anuncio Douglas 1929

 

 

 

 

Manual Douglas 1930

 

 CATÁLOGO DOUGLAS DE 1930

 

 

 

 

 

 

 

A Douglas ganhou enorme notoriedade durante os anos de 1932 e 1933, quando Robert Edison Fulton Jr. Se tornou o primeiro homem a dar a volta ao mundo em moto, aos comandos de uma Douglas de 6 cavalos, equipada com pneus de automóvel. O relato desta aventura encontra-se publicado no livro “One man Caravan”

 

Douglas SW6 1932

 

Douglas DT5 1932

 

Douglas D32 1932

 

Douglas H32 1932

 

Anuncio Douglas 1932

 

Douglaas C32 1932

 

1933 Douglas OHV

Douglas OHV 1933 

 

A Douglas ganhou enorme notoriedade durante os anos de 1932 e 1933, quando Robert Edison Fulton Jr. Se tornou o primeiro homem a dar a volta ao mundo em moto, aos comandos de uma Douglas de 6 cavalos, equipada com pneus de automóvel. O relato desta aventura encontra-se publicado no livro “One man Caravan”

 

Douglas round the world

Foi com este modelo que deu a volta ao mundo

 

 

 
O modelo Endeavour, equipado com motorização de 494cc surge em 1934. Tal como todos os outros construtores na época, a Douglas estava atenta a outros meios de transporte e em 1935 a empresa adquire a BAC, Bond Aircraft and Engineering Company.
 

Endeavor c1935

Douglas Endeavor 1935

 

 Aero c1938

Douglas Aero 1938

 

Anuncio Douglas 1945 

 

A produção de motos continuou até à Segunda Guerra Mundial e estendeu-se ao ramo dos geradores eléctricos.
 
Gerador eléctrico Douglas
 
Em 1948, pouco depois da Guerra a Douglas encontrava-se de novo em dificuldades e via-se obrigada a reduzir a sua produção apenas a máquinas de 350cc. O modelo Dragonfly 350cc de 1955 foi o último modelo produzido pela Douglas. A Westinghouse Brake and Signal viria a adquirir a Douglas e a produção cessa definitivamente em 1957.

 

Anuncio Douglas de 1948

 

 Douglas 1948 350cc

 

 

Anuncio Douglas 1948

 

Anuncio Douglas 1949

 

Douglas Bantam

Douglas Bantam

 


Douglas MK 4 350cc

 

Douglas MARK IV 350cc
 
Velocidade máxima              120 km/h
Motor                                  boxer 4 tempos
Potência                             24hp a 5500rpm
Deslocamento do pistão       348cc
Suspensão traseira              barras de torção
Suspensão dianteira             semelhante a de avião/lambretta
Mudanças                           4
Peso                                   158kg
Taxa de compressão            1:7,25

 

 

 

Anuncio Douglas 1951

 

80 Plus

Cartaz Douglas Plus

 

80 plus c1951

Douglas 80 plus C1951

 

Manual Douglas MK5

 

Mark 5

Douglas Mark 5

  

DOUGLAS DRAGONFLY 1955

 

Dragonfly

Douglas Dragonfly

 

 

Bailey Coles sprinter

A Douglas de competição de Bailey Coles

 

Alex Kynoch veteran Douglas motorcycle dirt track racing
Alex Kynoch

 

 

  


 

Actualmente a Douglas mantém a sua actividade, limitando-se a importar e comercializar as scooters Vespa e anteriormente representou também no Reino Unido a marca italiana Gilera.
 

 100 years of Douglas

 

 

tags:

publicado por Cavalo Alado às 18:06
link do post | comentar | favorito
|


Abril 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30


CALENDARIO DE EVENTOS

BLACK SABBATH 1ª Parte

BLACK SABBATH 2ª Parte

CALENDÁRIO DE EVENTOS

FREEBIRD

CALENDÁRIO DE EVENTOS

MISSA

CALENDÁRIO DE EVENTOS

ESTAMOS DE LUTO

CONCENTRAÇÃO FARO 2011

ambiente(4)

as dez melhores motos de sempre(10)

biker lady accessories(1)

breve história dos motociclos(6)

calendário(103)

campeões de motociclismo(2)

cavalo alado saloon(4)

cavalo de ferro (opinião)(10)

choque(1)

choque!(6)

comemorações(23)

concentrações(11)

dakar teck(17)

destinos(2)

ética(10)

galeria de arte(11)

gastronomia e culinária(11)

histórias de motociclistas(17)

humor(23)

jogos(2)

legislação(5)

lendas do motociclismo(7)

lêr(10)

lisboa-dakar 2008(2)

loja das motos do cavalo alado(3)

luis torres 006(11)

marcas(35)

mecânica(5)

modalidades(1)

modelos(18)

moto gp 2007(30)

moto gp 2008-equipas e pilotos(8)

moto gp 2008-provas(16)

o grupo dog(2)

opinião(42)

os anjos(2)

os nossos panos(12)

ouvir(29)

poesia(22)

r.i.p.(2)

recados(132)

sabia que...(9)

segurânça(16)

spain tour(4)

tipos de motos(6)

vêr(22)

todas as tags

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Abril 2011

Novembro 2010

Outubro 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Weather Forecast | Weather Maps